Uma Geração que faz Deus sorrir

December 6, 2017

 

 

Recepção: Receba seus discípulos com alegria, conheça os visitantes, incentive a trazerem seus amigos para compartilharem desta comunhão.

Momento de oração: Ore e agradeça a Deus, abençoando aos presentes, suas famílias e os que faltaram. Ore pela cadeira vazia.

Cânticos e Oferta: Adorem a Deus com alegria e contribua com o melhor.

Quebra-Gelo:

 

Objetivo: O quebra-gelo consiste em fazer o colega sorrir, mas sem sorrir. Desafiante, né?

 

Materiais: Pequenas bolinhas de papel amassado (5 para cada discípulo e cada bolinha vale R$ 1.000,00 (mil reais fictícios)).

 

Procedimento: O líder distribuirá para cada discípulo 5 bolinhas de papel e pedir aos discípulos que se espalhem (ficando longe um dos outros se possível).

Ao sinal do líder, os discípulos deveram procurar um colega de célula, em seguida devem parar um de frente para o outro e olhar fixamente nos olhos e ninguém pode sorrir.

Quem sorrir primeiro paga uma bolinha para a pessoa a quem sorriu.

No final no tempo, quem tiver mais bolinhas é o vencedor da brincadeira. Entretanto, todos se divertem e riem tanto que, ter mais ou menos bolinhas, é o de menos, pois o objetivo é fazer com que todos possam interagir, se integrem e possam ter um momento leve, descontraído e muito divertido juntos.


Princípio Bíblico: “Porque o Senhor se agrada do Seu povo.” (Salmo 149:4)

 

Mensagem: Você já se questionou alguma vez: Por que existimos? Por que nascemos? Qual o propósito da nossa vida? A bíblia fala em Apocalipse 4:11b: “... porque Tu criaste todas as coisas, e por Tua vontade são e foram criadas”. Portanto, toda vida que existe nesta Terra foi criada por Deus, por Sua vontade e para Ele mesmo tudo foi criado.

Mas, e qual seria o nosso propósito? Efésios 1:4 a 6 nos responde isso, quando diz que “fomos predestinados para filhos de adoção por Jesus Cristo, para Ele mesmo, segundo a Sua vontade, para louvor e glória da Sua graça e, através dessa graça, nos fez agradáveis a Ele mesmo em Jesus”. Fomos criados para sermos agradáveis a Deus, para dar-Lhe prazer, para fazê-lo sorrir. O sorriso de Deus deve ser o objetivo da nossa vida. 

Então nosso propósito é fazer Deus sorrir, certo?... E como vamos cumprir esse propósito? Nós agradamos a Deus e O fazemos sorrir com a nossa vida quando vivemos, quando fazemos o que é agradável a Ele, quando andamos em obediência a Sua palavra. Esse é o caminho, e nele não há desvios. É sim, sim e não, não. Não há meio termo, não há mais ou menos, não há jeitinho brasileiro. E este é o grande problema. Nós nos acostumamos a dar um jeitinho, a dar uma “arrumadinha” nas coisas, a mascarar algumas outras. Mascarar coisas não é agradável a Deus. 

Uma vida que agrada a Deus e O faz sorrir é aquela que O ama acima de todas as coisas, que O tem em primeiro lugar, que busca intimidade, relacionamento com Ele (Oséias 6:6). Jesus disse que esse é o maior mandamento (Mateus 22:37, 38). 

O que mais podemos fazer para agradar a Deus? Ter fé! Hebreus 11:6 diz que a fé, a confiança, é imprescindível para agradar a Deus, pois como vamos nos aproximar dEle sem crer que Ele existe? Confiar nEle é saber que Ele sabe o que é melhor para a nossa vida, e por isso vamos descansar na Sua palavra. Alguém sabe outra forma de agradar a Deus? Louvando e dando graças, Salmo 100:2: “Servi ao Senhor com alegria e apresentai-vos a Ele com cânticos”.


Você fica feliz quando recebe algum elogio? Você já viu o sorriso que surge no rosto de uma pessoa quando ela recebe uma palavra boa, um elogio, um agradecimento, um reconhecimento verdadeiro? Agora, imagine o sorriso que se estampa no rosto de Deus quando você Lhe oferece louvores, quando você Lhe apresenta uma vida de dedicação verdadeira a sua total confiança, um coração rendido na Sua presença, cuja boca não para de derramar palavras de gratidão e alegria por pertencer a Ele? 

Deus nos comissionou para uma obra: levantar uma geração para alegrar o Seu coração, uma geração para fazer Deus sorrir. Essa geração não tem idade, nem sexo, nem raça, nem denominação. É uma multidão de filhos legítimos, consolidados no amor do Pai, que traz gozo Àquele que os criou a Sua imagem e a Sua semelhança. 

Quem quer fazer Deus sorrir? Em muitos momentos, a desistência bate à porta, mas também tem muita vitória, muito riso, muito prazer, pois Aquele que nos chamou é o mesmo que nos capacita. Quer mesmo fazer Deus sorrir? Então seja bem-vindo à geração crianças santas e que colocam um grande sorriso no rosto de Deus.

Lanche (opcional): Compartilhe um lanche com as crianças.

 

Fonte: https://www.montesiao.pro.br/estudos/crianca/celulas/ecc270.html

Please reload

Últimos Posts

Crianças: a igreja do futuro, mas também a igreja de hoje!!!

September 2, 2018

1/2
Please reload

Posts Recentes

March 9, 2020

March 2, 2020

Please reload

Tags
Please reload

Redes Sociais
  • Facebook Classic
  • Twitter Classic
  • Google Classic

AV. RECANTO DAS EMAS, QUADRA 304, LOTE 06 | RECANTO DAS EMAS | BRASÍLIA/DF

MINISTÉRIO DE COMUNICAÇÃO MGA © 2017 SR TODOS OS DIREITOS RESERVADOS